domingo, 10 de outubro de 2010

Receita

domingo, 10 de outubro de 2010
Dinheiro na mão e a mão faz sinal pro transporte
Mão na garrafa, sorrisos nas bocas
É o corpo querendo se expressar e os passos ficando mais leves
É o encontro com o desconhecido que deixa tudo mais excitante
Risos, palavras, tapas, descontração
Corpo no corpo, mão na nuca e uma leve brisa
É a música querendo sair junto ao suor que insiste em escorrer...
Depois vem o peso disso tudo
E o que acorda com você? Lembranças e um sorriso de uma jubilosa noite.

4 comentários:

Anônimo disse...

júh... de onde tirou essa palavras? sábias e bem escritas!!!

Ferruccio disse...

Sem comentarios !!! Descrever uma noite do começo ao fim e torna-la poesia, Talvez a noite realmente seja uma . ADOREIIIII sua noite .

crislabel disse...

vc consegue transformar qualquer coisa em poesia ne? ficou lindo o texto!!


PS: acordar com um sorriso desses eh a melhor coisa!!!!! rs
te amuu

Felicia disse...

me pegar pela nuca = fefe arriando as calças. #megafato


asuuahushuhauhsus

Postar um comentário

Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las.

 
Caixa de Pandora © 2008. Design by Pocket